Obras de arte que não custam uma fortuna

Temos que assumir que o Brasil não é um bom país para artistas autorais, ou seja, que investem muito tempo e dinheiro criando uma linguagem própria em suas obras de arte. Geralmente, os artistas brasileiros ficam famosos fora do país para então serem reconhecidos por aqui. E isso ocorre nos mais diversos campos da arte. Pinturas, esculturas, cinema, música e assim por diante. Pergunte a qualquer artista sobre esse paradigma e todos irão falar a mesma coisa.

Mas antes mesmo de ficarem famosos, muitos artistas devem galgar um longo e árduo caminho até chegar nesse patamar da fama. Você poderia dizer que esses artistas não são reconhecidos porque suas artes custam muito caro. Mas isso não é uma verdade. Claro, quando o artista já está estabelecido sua arte constuma ter um preço elevado. Mas isso ocorre justamente pela valorização do nível de maturidade artística atingido.

Quanto vale uma obra de arte?

Porém, quando qualquer artista está começando, seja ele uma promessa ou um aprendiz, suas obras costumam ter um preço acessível. Cabe ao público brasileiro ter um olhar mais atento não só aquilo que está na moda, mas também às obras de arte em fase embrionária.

Para encontrar obras de arte a um preço acessível é preciso saber onde encontrá-las. Continue lendo para saber algumas dicas sobre esse assunto.

Obras de arte a um preço acessível

A parte mais importante quando você está buscando obras de arte a um preço acessível, é: garimpar. É preciso saber o local em que os artistas que estão começando exibem suas obras. Seja em pequenas galerias ou até em feiras artísticas, sempre haverá um lugar. Se você caminha pelo bairro de Piheiros em São Paulo, por exemplo, irá se deparar com várias casinhas curiosas com a porta aberta. E ao entrar nesses locais, verá a riqueza de obras das mais diversas linguagens e contextos.

Obras de arte acessíveis.

Uma forma fácil de garimpar e encontrar os artistas pelo país é via online. Seja na própria página do artista ou em páginas de galerias. Quando você passa um tempinho buscando esse tipo de coisa, vai se espantar com a quantidade avassaladora de opções.

Atualmente as obras de arte já possuem um outro espaço para serem visualizadas e comercializadas. Enquanto os grandes museus, como o MASP, se fixam mais em obras de artistas renomados (o que também é interessante já que precisamos de meios para todos os níveis de artistas), temos diversas galerias surgindo para suprir esse vazio. Facilitando assim, o acesso do público aos artistas e vice-versa. Além, é claro, de criar um novo negócio extremamente importante para fomentar a arte brasileira.